Notícias

Javé Nossa Justiça recebe homenagem do Caxangá Ágape


30/05/2011 - Feedback Comunicação

Representantes da sociedade civil, políticos e empresários prestigiaram o evento, no último dia 26

O Movimento ecumênico Javé Nossa Justiça foi o grande homenageado do Caxangá Ágape, durante evento realizado no último dia 26. Durante a homenagem, cuja iniciativa partiu do presidente da entidade, Hélio Moreira Filho, o coordenador do Movimento, Márcio Borba, fez um discurso emocionado sobre a história do Javé e as dificuldades atravessadas na luta em defesa da vida. “O que defendemos é o direito primeiro, maior, principal, inquestionável e dado por Deus: o direito à vida”, declarou. Além de representantes da sociedade civil, políticos e empresários, também participou do evento o representante da Arquidiocese de Olinda e Recife, Márcio Miranda, a pedido de Dom Fernando Saburido, que não pôde comparecer à homenagem.

Em seu discurso, Márcio Miranda pediu o engajamento de todos na causa defendida pelo Javé e apoiada pela Igreja Católica. “Precisamos ser a voz que brada e grita em defesa de crianças inocentes que estão nos ventres de suas mães. Peço, especificamente, aos dois vereadores aqui presentes (numa referência a Josenildo Sinésio e Aerton Luna) que não abram mão de promover, nas Casas Legislativas, essa luta em prol da vida de inocentes”, declarou. Sebastião Barreto Campelo, do Movimento Pró-Criança, fez a saudação ao homenageado. Em seu discurso, ele lembrou o caso da revolta da sociedade, há alguns meses, quando uma mãe jogou a criança em um riacho. “Aquela mãe foi chamada de monstro por todos, mas se tivesse cometido um aborto um dia antes do parto, sua atitude seria aceita porque a criança – aquela mesma criança que boiava no rio – seria considerada parte de seu corpo, e não uma vida”, ponderou.

Homenagem – O Caxangá Ágape comemorou 65 anos de existência e é um clube que prima pela união de profissionais variados para uma troca saudável de ideia e experiências. As homenagens do clube são prestadas a pessoas e entidades que realizem um trabalho destacado e de interesse da sociedade, como um todo. Representado na figura do seu coordenador Márcio Borba, o Movimento Javé Nossa Justiça é uma entidade com base na fé cristã que luta, incondicionalmente, pela vida em todas as suas formas. Anualmente, a entidade define frentes de atuação para focar suas ações. Este ano, o Movimento definiu como meta o combate à Pedofilia e às Drogas.

Outras Notícias: